PROJETOS

eramusmais
logo_proj_LWV pequeno
Life With Values Newspaper
1st Transnational Projet Meeting
LTT1 Spain November 2019 – Mora - Toledo
Christmas Gifts for C1 Mora Mobility
Christmas Postcards
Internet Segura
Internet Segura
Internet Segura
Onlinemeeting
Flashmob #erasmusdays2020
Erasmus na Escola
Kahoot Contest
LogoHealthybodyhealthmind

Healthy body, healthy mind

Mais informação aqui
etwinning

From Dash to Watercolor – Paint a Queen

É com muito orgulho que o Agrupamento de Escolas de Vila Viçosa anuncia que projeto eTwinning “From Dash to Watercolor – Paint a Queen”, realizado com os alunos do pré-escolar no ano letivo 2018/2019, no Jardim de Infância de Vila Viçosa, foi galardoado com o Selo Nacional de Qualidade. Este projeto foi feito em parceria com a Fundação Casa de Bragança e a escola CEIP Nuestra Señora del Rosario, de Pueblonuevo del Guadiana, Espanha. Os nossos alunos fizeram em aguarela o retrato da Rainha D. Amélia, enquanto a escola parceira escolheu a Rainha Santa Isabel.

O Selo Nacional de Qualidade é concedido a professores com excelentes projetos eTwinning e indicam que o projeto atingiu um determinado nível de qualidade no seu país. Para isso foi avaliada a forma como foi estabelecida a colaboração entre as escolas parceiras, os planos em comum, as atividades realizadas pelos alunos e pelos professores e se os objetivos foram atingidos.

O logótipo foi desenhado e pintado pelos alunos do CAA.

Podem visitar os trabalhos finais dos alunos no link abaixo.

https://www.calameo.com/books/005196740a6024066b789

rainha

The Earth – Yesterday, Today and Tomorrow

As regiões europeias, incluindo as zonas urbanas, são particularmente vulneráveis às alterações climáticas e incluem a Europa do Sul e a bacia mediterrânica; zonas de montanha; zonas costeiras, deltas e planícies aluviais e o extremo norte da Europa e o Ártico. Queremos que os nossos alunos não só tomem consciência das alterações climáticas, mas também adquiram ferramentas que os tornem agentes de mudança, com as suas atitudes na sua vida quotidiana. Queremos criar massa crítica, numa geração que terá de lidar com todas as mudanças a que estamos a assistir. Queremos também que eles conheçam os dados corretos para que possam tomar medidas acertadas e não baseadas em dados científicos duvidosos. Assim, tendo em conta todas as implicações das alterações climáticas e a localização geográfica, podemos ter uma ideia mais abrangente de como todos os países são, de uma forma ou de outra, afetados, bem como as ações que tomamos em relação ao cabo podem ter impacto noutros pontos do globo.

O projeto destina-se a alunos dos 14 aos 19 anos e envolve 6 escolas de países como Portugal, Turquia, Bélgica, França, Lituânia e Islândia. No nosso agrupamento participam os alunos da turma do 10.º A, um projeto desenvolvido no âmbito da disciplina de Biologia e Geologia.

Viagens pela Minha Terra

O projeto surge da necessidade de criar novos ambientes de aprendizagem que promovam a educação patrimonial e o desenvolvimento de habilidades comunicativas e digitais nos alunos e professores.

 Pretende-se que os alunos abrangidos pelo Decreto - Lei 54/2018 - Educação Especial, desenvolvam competências de leitura, escrita, criatividade e tecnológica e que, em simultâneo, enriqueçam o conhecimento acerca do património cultural que os envolve, despertando a curiosidade e a importância da sua contribuição para o preservar. 

A educação patrimonial é imprescindível para a consciencialização de que cada um de nós é responsável pela manutenção do mesmo. Deseja-se, com as atividades planeadas, que os alunos descubram a riqueza e diversidade do património local e que se envolvam na sua preservação. Assim, o projeto visa os alunos observarem, fotografarem, desenharem, lerem e escreverem acerca da sua localidade, dando a conhecer aos colegas e professores envolvidos a riqueza da mesma ( história, monumentos, jardins, pontes, gastronomia, festividades …). 

O projeto destina-se a alunos dos 3 aos 18 anos e envolve 7 escolas portuguesas e uma em Bergamo, Itália. No nosso agrupamento participam neste projeto os alunos abrangidos pelo DL 54/2018, com a artigo 10.º, medidas adicionais, a frequentar o ensino secundário, no âmbito da disciplina de Português2.

Viriato

viriato

Este projeto surge, por um lado, como forma de complementar o Grupo português “Viriato” e, por outro lado, de permitir aos “Mentores” eTwinning portugueses um espaço de exploração das potencialidades do Twinspace.

Healthy Body, Healthy Mind

Este projeto está centrado no desporto e nas atividades ao ar livre como ferramentas para viver um estilo de vida saudável. Os estudantes que participam neste projeto partilharão as suas ideias sobre a forma como se mantêm em forma, o que o desporto significa para eles, informação sobre os seus desportistas preferidos, etc. Discutiremos também a popularidade de vários desportos nos nossos países, e falaremos sobre as atividades diárias que os jovens devem fazer para se manterem em forma. Este projeto começou com apenas eTwinning e agora faz parte de um projeto abrangido pelo programa Erasmus+, que envolve os países da República Checa, Finlândia, Portugal, Turquia, Itália e Espanha. É um projeto que envolve alunos entre os 15 e os 18 anos e desenvolve-se nas turmas do 10.º D e E.

Life with values - Building-Character and European citizenship

logo_proj_LWV pequeno

Este projeto é sobre as perspetivas dos alunos e a sua atitude em relação aos valores. Queremos sociedades europeias mais inclusivas, tolerantes e livres. Desta forma, acreditamos que ao educar para valores pessoais e sociais estamos a promover o bem-estar e a aceitação da entidade europeia. Além disso, vamos envolver os nossos parceiros no trabalho comunitário e ajudar à divulgação e promoção dos direitos pessoais e sociais nos nossos países. O nosso objetivo é que os novos conhecimentos dos alunos sobre o impacto que as suas ações têm nos outros e a forma como se refletem na sua comunidade possam transformar-se e adquirir uma nova visão. Este projeto visa desmistificar, dar conhecimento e promover o equilíbrio. A intenção é também abrir novas escolhas e opções para o desenvolvimento pessoal e social nos currículos escolares a todos os níveis de ensino. Este projeto é também parte do programa Erasmus+ e envolve os países de Portugal, Grécia, Croácia, Espanha, Turquia e Polónia. Desenvolve-se na turma do 8.º D, juntamente comos alunos que estão abrangidos pelo artigo 10.º, medidas adicionais, do DL 54/2018, a frequentar o ensino secundário.

Legends of our hometown

legendsoshometown

O principal objetivo é usar a imaginação dos nossos alunos. Eles têm de inventar uma lenda sobre a sua cidade natal, podem usar alguns factos históricos, mas não é necessário. Depois vamos traduzir esta lenda para inglês, fazer um livro eletrónico e se quisermos desenhar ou pintar alguns quadros para ilustrar a lenda. A lenda tem de ser transformada num guião de peça de teatro. Vamos representar a peça em frente da nossa escola (na nossa língua materna) e gravá-la. No nosso agrupamento participam neste projeto os alunos abrangidos pelo DL 54/2018, com a artigo 10.º, medidas adicionais, a frequentar o ensino secundário, no âmbito da disciplina de Português2.

Estão envolvidos neste projeto escolas da Polónia, Portugal, Espanha e Croácia.

Do you know your Food?

Este projeto visa promover o Objetivo 12 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Queremos que nossos alunos se tornem consumidores responsáveis em relação aos alimentos. Além disso, queremos melhorar as suas competências a nível intercultural e de colaboração.

O grupo alvo deste projeto são alunos entre os 13 e os 14 anos e no nosso agrupamento é desenvolvido na turma do 8.º D, no âmbito da disciplina de Ciências Naturais.

Estão envolvidas escolas dos países Portugal, Países Baixos, Turquia, Polónia, França e Espanha. 

Zero waste

A reciclagem de resíduos é o problema ambiental mais importante, global e urgente dos dias de hoje. A falta de separação das matérias-primas fez com que os resíduos, que requerem um método especial de processamento ou eliminação, emitam substâncias tóxicas. Ar, solo e água estão poluídos. O nosso planeta está transformado num enorme monte de lixo. Processos de grande escala, como a mudança climática global, estão a ocorrer em todo o planeta. Pode reduzir-se o número de aterros reciclando matérias-primas recicláveis. Este tipo de resíduo representa cerca de 60% do total de resíduos. O uso de materiais recicláveis ​​irá reduzir o número de aterros, economizar recursos naturais e reduzir a emissão de substâncias nocivas. Antes do processamento, as matérias-primas são classificadas, pois nem todos os materiais são adequados para reciclagem. O nosso projeto foi criado para chamar a atenção do público para o problema da reciclagem de resíduos, poluição ambiental, como motor das mudanças climáticas no planeta. Queremos mostrar que apenas um pequeno esforço de cada um para separar os resíduos pode ajudar a prevenir desastres ambientais em todo o mundo. O grupo alvo deste projeto são alunos entre os 13 e os 14 anos e no nosso agrupamento é desenvolvido na turma do 8.º D, no âmbito da disciplina de Ciências Naturais.

Estão envolvidas escolas dos países Portugal, Turquia, Itália, França, Ucrânia, Lituânia e Espanha.

Transnational Meeting on the Bridge

O microprocessador Arduino foi construído em 2005, quando as pessoas precisavam de um dispositivo que seria usado para controlar programas de projetos interativos para alunos. Ele rapidamente se tornou popular graças ao seu baixo custo e à capacidade que oferece para o desenvolvimento fácil e rápido de aplicativos. 15 anos depois, ele ainda é usado por milhares de professores em todo o mundo, que o incluíram no processo educacional, tentando ensinar aos seus alunos as inúmeras capacidades e a quantidade de suas aplicações em todas as áreas da ciência e do dia a dia.
O road control é um dos muitos aplicativos nos quais o microprocessador Arduino pode ser usado. Superfície da estrada, luzes e velocidade do ar são algumas das funções que podemos controlar em uma estrada. No projeto “Transnational Meeting on the Bridge! apresentaremos todas essas funções em uma maquete de uma ponte. O grupo alvo deste projeto são alunos entre os 12 e os 18 anos e no nosso agrupamento é desenvolvido no âmbito da disciplina de Informática.

Estão envolvidas escolas dos países Portugal, Itália, Grécia e Roménia.

Outros

Ação Climática 2020

Preparados para AGIR! A turma 10º A, sob orientação da professora de Biologia Anabela Saúde Quadrado vai participar no Projeto de Ação Climática 2020!Estamos ansiosos por nos juntarmos a milhares de outras turmas de mais de 100 países para, em conjunto, agirmos pelo planeta! #ClimateActionP #TakeActionEdu 

O Climate Action Project foi lançado em outubro de 2020, com o objetivo de envolver 1.000.000 participantes em mais de 100países. O projeto de colaboração global gratuito visa liderar a mudança de comportamento através da educação e está em colaboração com o WWF, ONU e NASA e é apoiado por Sua Santidade Dalai Lama, Dra. Jane Goodall, Kumi Naidoo, Presidente Higgins, muitos cientistas renomados e figuras públicas. Durante o projeto centrado no aluno, os alunos irão explorar, debater, discutir, criar, resolver problemas e compartilhar descobertas e soluções publicando resumos semanais, vídeos para o site. Desta forma, os alunos podem aprender com seus colegas globais e ganhar perceções autênticas. O projeto permite que os alunos sejam criativos, que colaborem de forma global, que compreendam a empatia, a pensar criticamente e agir. Desta forma, pretendemos mudar o comportamento. Isso envolve abordagens alternativas de aprendizagem e um papel diferente para seus professores. Os alunos aprenderão habilidades importantes do século XXI, incluindo:

● Criatividade: os alunos projetam seus próprios protótipos enquanto criam no Maker espaços de aprendizagem prática.

● Pensamento crítico: os alunos irão explorar a questão das 'notícias falsas'.

● Resolução de problemas: os alunos resolverão problemas e tomarão medidas. Isto é muito mais poderoso do que a aprendizagem mecânica.

● Empatia: os alunos abordarão a aprendizagem através da empatia e aprendizagem emocional. Isso pode parecer complicado, mas uma vez que os alunos veem como seus pares sofrem com incêndios florestais, furacões, fluxos de lama e outros problemas sua empatia aumentará.

● Aprendizagem aprimorada por tecnologia: os alunos criarão mundos ecológicos em Minecraft e com kits de criador de LEGO.

● Colaboração: os alunos aprenderão uns com os outros, mesmo em escala global.

climataction